O piso ideal…

Diante das inúmeras opções de pisos no mercado, a escolha precisa ficar mais criteriosa. Saiba como acertar na compra:

porcelanato, por exemplo, combina com todos os ambientes da casa, é um piso versátil e fácil de limpar. Outro tipo de revestimento bastante cotado é o piso de mármore, que pode ser usado na parte interna e externa da casa e que dá a sensação de conforto e elegância. Veja outras dicas para acertar na hora de reformar a casa!

Na hora de construir ou reformar a casa ou apartamento, muitos se esquecem que o revestimento é um dos itens fundamentais, e acabam escolhendo pisos apenas pela estética. Beleza aliada à funcionalidade é o casamento perfeito. O mercado oferece inúmeros tipos de pisos, começando pelas Cerâmicas tradicionais, passando pelo cultuado Porcellanato e pelos laminados e terminando no moderníssimo e ecologicamente correto acimentado refratário. Cada ambiente pede um tipo diferente de piso, que se adeque ao seu uso

o proprietário deve buscar um material que além de atender a sua necessidade pessoal, tenha beleza, praticidade e durabilidade. “O mercado apresenta hoje pisos que combinam com todos os gostos e realidades. Solteiros, casados, sem ou com filhos e até bichos de estimação possuem necessidades bem específicas. Muitas vezes o cliente escolhe um revestimento sem se preocupar com as especificações do espaço e acaba tendo problemas

CERÂMICO: “É o mais comum e utilizado, em função da variedade e praticidade. Pode ser usado em todos os ambientes, sempre obedecendo a escala de resistência à abrasão (PEI), que define a resistência ao desgaste provocado pelo tráfego de pessoas. O PEI varia de 0 a 5. Em banheiros e áreas molhadas o ideal é usar os antiderrapantes”.

PORCELLANATO: “É impermeável e possui alta resistencia quando comparado às pedras naturais e outros tipos de cerâmica. Por sua grande durabilidade, é especialmente indicado para todos os espaços da residência. É encontrado nas versões polida, esmaltada e natural. Na hora da compra observe se está levando a argamassa para assentamento indicada para porcellanato”.

LAMINADO: “Pode ser de alta pressão ou resistência. A grande vantagem é que pode ser instalado diretamente sobre pisos já existentes, como cerâmico ou taco de madeira. É uma solução prática, econômica e eficiente no caso de reformas, evitando os tradicionais “quebra-quebra” e acúmulos de entulhos. É antialérgico e sua manutenção é muito simples, bastando apenas um pano úmido. Não pode ter contato direto com água. Aconselha-se o uso em salas e quartos”.

GRANITO: “É um revestimento nobre e tradicional. Possui uma variedade grande de tons. Por ser liso, deve-se utilizar em ambientes não molhados como salas. O custo alto torna seu uso mais limitado”.

PEDRAS NATURAIS: “Mais indicado para ambientes externos, como piscinas. Tem acabamento rústico e é antiderrapante. Deve-se impermeabilizar com resina acrílica para diminuir a porosidade. Deve-se limpar com freqüência para evitar formação de lodos.”

Crédito das imagens: Google imagens

Anúncios

3 pensamentos sobre “O piso ideal…

    • Sim sim Gessica, temos essa disciplina na faculdade e é mto importante! Em março agora vou pra um congresso de revestimento e chego com mtas novidades! conhecimento + pesquisa + design = Lugar lindo e aconchegante! Obrigada querida!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s